-->

29 setembro, 2006

Menina

Fotografia de autoria de Maria Paula, enviada por C.L.

Menina princesa,
menina traquina,
de alma acesa
que tanto ensina.
Frágil, franzina,
a morena menina
com demais certeza
de ser pequenina!
Mártir que choras
no quarto cinzento
e sem fé imploras
o fim do tormento!
Chora menina,
chora que o vento
te leva o lamento
p'ra álem da surdina.

Vives memórias
p'lo futuro que vem,
vives histórias
não sabes de quem!
Menina bonsai,
já nunca enxuta
desde que o pai
lhe chamou de puta.
Tu nunca lutaste
nem sabes fugir,
mas nunca deixaste
de saber sorrir!
Menina graúda,
sorri que o tempo
limpa o lamento
à tua voz muda.

Teus olhos, menina,
alagam tristeza
mas na tua sina...

ganhaste a pureza!


Rui Diniz

6 Comments:

Blogger Menina_marota disse...

Excelente!
Boa inspiração...

Um abraço e bom fim de semana ;)

setembro 30, 2006 3:31 da tarde  
Blogger Poesia Portuguesa disse...

Assino por baixo das palavras da "marota"...

Está fantástico o poema...
beijo e bom fim de semana ;)

setembro 30, 2006 3:33 da tarde  
Blogger Menina_marota disse...

Meu caro Poeta, peço que aceda aqui, para ver um seu poema colocado no Portal do Brasil do Mhario Lincoln. http://www.mhariolincoln.jor.br/

Parabéns.

Um abraço e bom fim de semana ;)

setembro 30, 2006 4:36 da tarde  
Anonymous Jofre Alves disse...

Visito esta página e fiquei agradado pela sua estética finíssima e apreciável, onde tudo se vê com agrado pela qualidade e perfume. Para revistar sempre e mais vezes no futuro. Parabéns até pela qualidade, mas também pela temática escolhida.

setembro 30, 2006 5:02 da tarde  
Blogger Rui Diniz disse...

Menina Marota: Muito Obrigado por tudo! :-D

Jofre Alves: Agradeço a honra da visita e fico feliz por saber que este espaço e seu conteudo é do seu agrado. Volte sempre! :-)

setembro 30, 2006 7:08 da tarde  
Blogger Maçã de Junho disse...

Mais uma vez a musicalidade das tuas palavras trazem-me um sorriso espontâneo!
Muito bonito, muito suave, muito swing!

A alma dos poetas é também a tua!
Beijo
Maçã

outubro 01, 2006 1:45 da tarde  

Enviar um comentário

Atalhos para este post:

Criar uma hiperligação

<< Home