-->

08 setembro, 2006

Monogamia

Como seria
se tudo isto não o fosse
e a monogamia
nada mais que uma ideia?

Quererias, meu doce?

É verdade que
este mundo é uma aldeia
de poderosos intrometidos,
um bando que negoceia
em lojas sem montra
as regras dos vencidos!...
Mas se nenhuma regra fosse contra
e a moral, ideia que não importa,
já serias tu para mim outra
e o meu desejo,
coisa morta!


Rui Diniz

6 Comments:

Blogger Antonio Melenas disse...

Isto é que é produtividade.
Agora é cada dia um poema, estou a ver.
Força
Um abraço

setembro 17, 2006 9:32 da tarde  
Blogger Rui Diniz disse...

Por qualquer motivo me alcunhaste de "Speedy Gonzalez" também conhecido como o "Pepe Rápido" :-D

Abraço!

setembro 18, 2006 8:38 da manhã  
Blogger Poesia Portuguesa disse...

Desde o primeiro momento que li o poema Cavalheiro que desejei postá-lo no Poesia. Mas sinceramente, não conseguia a imagem certa para o tema do poema. Finalmente no Blog do Ognid, encontrei-a.
Espero que não te importes que o tenha levado "emprestado". Algum inconveniente diz, que será de imediato retirado.

Grata pela partilha.

Um abraço e boa semana ;)

setembro 18, 2006 8:56 da tarde  
Blogger Rui Diniz disse...

Ora, ora... a honra é minha! Muito agradeço esse "empréstimo" :-)

Sinta-se em casa.

Abraço!
Diniz

setembro 18, 2006 9:53 da tarde  
Anonymous Anónimo disse...

passei aqui para conhecer este espaço que tanto tem empolgado aos acadêmicos e contribuído para o projeto de alguns.
Parabéns, seus poemas, contos são realmente empolgantes. Espero que o tempo o faça crescer cada vez mais.
Susana Santos (Retórica e Poética)

setembro 27, 2006 2:37 da tarde  
Blogger Rui Diniz disse...

Agradeço a sua visita, que muito me honra.
Fico feliz por saber que este espaço é do seu agrado.
Mais uma vez, um humilde agradecimento e volte sempre.

:-)

setembro 27, 2006 2:44 da tarde  

Enviar um comentário

Atalhos para este post:

Criar uma hiperligação

<< Home